Notícias

10/01/2019 - Lesma ‘mais solitária do mundo’ morre e espécie pode está extinta



George, a “lesma mais solitária do mundo”, está morto, e com ele provavelmente também chega ao fim sua espécie, Achatinella apexfulva. Nativo das matas do Havaí, os cientistas passaram anos à procura de uma parceira para o animal, único exemplar conhecido da espécie, sem sucesso. Nascido em cativeiro num laboratório da Universidade do Havaí, George morreu no dia de ano novo aos 14 anos, já bem velho para animais do tipo.


Leia a notícia na íntegra clicando aqui.


Fonte: O Globo